quinta-feira, 14 de março de 2013

Silvana Lima: Donos da Rua

Pais de Alunos atrapalham o trânsito na porta das escolas

Há três grandes escolas particulares nesta cidade que geram um congestionamento sem fim na(s) rua(s) (e arredores) em que estão instaladas. 

É que os “papais” e as “mamães” não querem ter o trabalho ou “perder o tempo” de estacionar seus bonitos carros distante das referidas escolas e irem, a pé, levarem seus filhos até o portão. Ao contrário disso, como se fossem donos das ruas, param diante da(s) escola(s) e esperam pacientemente que seus filhos desçam, peguem suas mochilas e caminhem até o portão, certificando-se, obviamente, (de dentro do carro) se eles entraram. Bom, isso quando os digníssimos não resolvem parar em cima das calçadas, impedindo que pedestres passem e ferindo a lei de trânsito. 
Muitas questões poderiam ser trabalhadas pela escola diante do comportamento dos pais, já que estamos nos referindo a empresas que trabalham com EDUCAÇÃO. Vou citar duas que julgo importantes e fáceis de serem argumentadas com os pais: 

1. CAMINHAR A PÉ COM SEU FILHO ATÉ O PORTÃO DA ESCOLA PODE SER UMA BOA OPORTUNIDADE PARA ESTREITAR SEUS LAÇOS COM A CRIANÇA JÁ QUE NOSSO TEMPO ANDA TÃO PRECÁRIO;

2. QUE EXEMPLO OS PAIS ESTÃO DANDO AOS FILHOS QUANDO INFRINGEM UMA LEI? UMA DICOTOMIA PORQUE LEVAM PARA SEREM EDUCADOS E DÃO MAL EXEMPLO DE EDUCAÇÃO.

Quando é que vamos falar de cidadania e exercer a cidadania? Não deveria ser a escola o principal espaço para tais discussões?

Silvana Lima é professora da rede municipal de Cabo Frio

Um comentário:

Monica A disse...

Que pessoas críticas! Dá orgulho trabalhar com esse povo! Parabéns pela reflexão, Silvana e Doc!